Pedágio marítimo do governo federal na Ilha do Mel causa revolta no PR

O questionamento foi feito pelo deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) durante a sessão plenária de quarta-feira (28/4) da ALPR

atualizado 30/04/2021 13:51

“A cada dia fico me perguntando por que nós paranaenses temos sidos tão castigados pelo Governo Federal?”. O questionamento foi feito pelo deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) durante a sessão plenária de quarta-feira (28/4) da Assembleia Legislativa do Paraná.

O motivo? Além do modelo híbrido, com a cobrança de taxa de outorga, lesivo para as novas concessões de pedágio nas rodovias do estado, o Governo Federal pretende agora criar um “pedágio marítimo” no Canal da Galheta, que dá acesso ao porto de Paranaguá.

Leia mais em Blog do Esmael, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias