*
 

A Polícia Civil de Santa Catarina prendeu um pastor evangélico suspeito de cometer o crime pedofilia no Entorno do Distrito Federal. O homem foi encontrado em Balneário Camboriú, no litoral norte do estado.

Segundo a Polícia Civil, a prisão foi expedida pela Justiça de Goiás, pois o caso teria ocorrido na cidade de Cristalina. Os investigadores, porém, não descartam a possibilidade de o homem ter cometido o mesmo crime em Santa Catarina.

A prisão preventiva ocorreu quando o suspeito chegava para comandar um culto no centro do município. O nome do pastor, o sexo e a idade da vítima não foram divulgados pela polícia.

De acordo com a corporação, o religioso mantinha conversas de cunho sexual e pornográfico por WhatsApp com as vítimas. Tudo para convencê-las a enviar fotos e vídeos sob o pretexto de que as curaria de uma maldição.

Uma das vítimas procurou a polícia em Goiás e relatou os fatos. Depois, foi pedida a prisão do pastor, tendo sido determinada pela Justiça.

 

 

 

COMENTE

cristalinaSanta Catarinapastor
comunicar erro à redação

Leia mais: Brasil