Parque de Inhotim é esvaziado por conta do rompimento da barragem

Um dos maiores museus a céu aberto do mundo fica no município de Brumadinho (MG), onde ocorreu o acidente

Reprodução

atualizado 25/01/2019 18:47

O rompimento de uma das barragens da mineradora Vale S.A., no município de Brumadinho (MG), colocou em estado de alerta o Parque de Inhotim, um dos maiores museus a céu aberto do mundo. A assessoria de imprensa do local afirmou que, por ora, a lama não atingiu o espaço, no entanto, por medida de segurança, os visitantes estão sendo retirados da área.

Pelas redes sociais, Inhotim comunicou que, até o momento, as obras estão em segurança e nenhum visitante ou trabalhador do local foi ferido. Por conta do acidente, o parque anunciou que permanecerá fechado neste fim de semana (26/1 e 27). A data de reabertura não foi anunciada.

Templo da arte contemporânea brasileira, o bucólico local fica no município mineiro. O parque abriga obras de grandes artistas, como Tunga, Adriana Varejão, Amílcar de Castro, Giuseppe Penone e Paul McCarthy.

Além das obras, o espaço tem grande variedade de vegetação, incluindo áreas preservadas de Mata Atlântica.

0

O Ministério do Turismo publicou uma nota sobre o ocorrido, lamentando as vidas impactadas pela tragédia e se solidarizando com a região afetada. “Além de todos os danos ambientais, o rompimento afeta o Instituto Inhotim, maior centro de arte ao ar livre da América Latina e importante atrativo turístico do Brasil. Desde já, o Ministério do Turismo se coloca à disposição para trabalhar em parceria com outros órgãos do governo no amparo às famílias e na recuperação da região para minimizar o impacto da catástrofe e, por meio do turismo, ajudar a comunidade a superar o trauma e retomar a vida”, afirmaram.

Últimas notícias