Mulher acusa colega de apartamento de estuprá-la: “Confiava nele”

A Delegacia Sede de Praia Grande (SP) investiga o caso. Até o momento o suspeito não foi preso

atualizado 04/02/2020 8:18

estupro8Elza Fiúza/ Agência Brasil

Uma mulher de 39 anos denunciou o colega com quem dividia um apartamento em Praia Grande (SP) por estupro. Segundo a vítima, os dois mantinham uma relação de amizade. “Confiava nele”, contou ao portal G1.

A autônoma contou que conheceu o programador, 43, em São Paulo e decidiu se mudar para Praia Grande para ajudá-lo, pois ele estava com problemas financeiros. Ela disse também que os dois tiveram um breve relacionamento, mas a amizade se manteve após o término.

Aos poucos, segundo ela, foi percebendo que o colega de quarto bebia e ficava agressivo. No último Natal, o suspeito a teria ferido com uma faca.

No último sábado (01/02/2020), ele teria chegado em casa alterado e a estuprado. “Pedi para ele, pelo amor de Deus, parar e ele me mandou calar a boca. Fiquei com medo de ele me matar”, contou ao portal.

No dia seguinte, a vítima disse que registrou um boletim de ocorrência. A Delegacia Sede de Praia Grande investiga o caso, mas até o momento o suspeito não foi preso.

Últimas notícias