Morador de Florianópolis questiona uso de máscara na Justiça

Em julgamento de recurso, TJSC considerou que exigência de decreto municipal é legítima durante a pandemia

atualizado 16/01/2021 19:03

O Tribunal de Justiça negou recurso de um morador de Florianópolis (SC) que entrou com mandado de segurança questionando a legalidade do decreto municipal que determinou obrigatório o uso de máscara como proteção à Covid-19.

O desembargador Hélio do Valle Pereira, relator da apelação na 5ª Câmara de Direito Público, considerou, no seu voto, que a exigência é legítima durante a pandemia.

Leia a reportagem completa no portal ND+, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias