Militar brasileiro da FAB é preso na Espanha por porte de drogas

O presidente Jair Bolsonaro confirmou o caso pela sua página do Twitter. O nome do brasileiro não foi divulgado

atualizado 25/06/2019 20:11

Michael Melo/Metrópoles

O presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), confirmou pela sua página oficial no Twitter que um militar brasileiro foi preso no aeroporto de Sevilha, na Espanha, suspeito de transportar drogas ilícitas. O militar, que não teve o nome divulgado, estava em uma aeronave militar, segundo nota divulgada pela Força Aérea Brasileira (FAB).

O chefe do Executivo Federal garantiu que, caso seja comprovado o porte de drogas por parte do militar, o mesmo será julgado e condenado na “forma da lei”.

A nota divulgada pela FAB diz que os fatos estão sendo apurados e que repudia atos “dessa natureza”. Confira na íntegra:

O Comando da Aeronáutica informa que um militar da Aeronáutica foi detido no aeroporto de Sevilha, Espanha, nesta terça-feira (25), por suposto envolvimento no transporte de entorpecentes em uma aeronave militar.

Os fatos estão sendo apurados e foi determinada a instauração do Inquérito Policial Militar (IPM). Demais informações dependem da conclusão do Inquérito.

O Comando da Aeronáutica reitera que repudia condutas dessa natureza, reforça o compromisso com o rigor das investigações e ressalta que dará prioridade na apuração e elucidação do caso, bem como colabora com as autoridades.

Ainda não foram divulgadas informações de qual tipo de entorpecente o militar portava, a quantidade e se estava em missão oficial no país.

Últimas notícias