Menina de 13 morre grávida do pai; ela era estuprada desde os 9

O caso foi registrado no Amazonas. Família diz que não desconfiava dos abusos

Reprodução/Manaus AlertaReprodução/Manaus Alerta

atualizado 12/12/2019 19:46

Uma menina de apenas 13 anos, identificada como Luana Ketlen, morreu nesta quarta-feira (11/12/2019) no município de Coari –  362 km de Manaus. A causa da sua morte gerou revolta e indignação nas redes sociais.

A mesma era estuprada pelo próprio pai, Tome Faba, 36, desde os 9 anos de idade. Há dois meses, a vítima começou a sentir dores e descobriu que estava grávida de 5 meses.

Segundo parentes da menina, que preferiram não se identificar, a família não desconfiava que o pai abusava da própria filha, e a menina não havia contado antes pois era ameaçada de morte.

Após a garota sentir fortes dores e passar mal, a mãe desconfiou que a menina estava grávida pela mudança de corpo que ela vinha apresentando, e então resolveu confessar para sua tia que, por consequência, falou a verdade para a mãe.

A reportagem completa você pode conferir no site Manaus Alerta, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias