França diz que não haverá pacto UE-Mercosul nas atuais condições

"Não podemos assinar um tratado comercial com um país que não respeita a floresta amazônica", disse a ministra do Meio Ambiente

Victor Moriyama/Getty ImagesVictor Moriyama/Getty Images

atualizado 09/10/2019 14:44

A ministra do Meio Ambiente da França, Elisabeth Borne, reiterou nessa terça-feira (08/10/2019) que o país não pretende assinar o acordo de livre-comércio entre Mercosul e União Europeia. A decisão foi motivada, nas palavras dela, pois o Brasil não respeita a Amazônia.

“Não podemos assinar um tratado comercial com um país que não respeita a floresta amazônica, que não respeita o tratado de Paris. A França não assinará o acordo do Mercosul nessas condições”, declarou a ministra Borne à emissora francesa de televisão BFM.

A afirmação da ministra do Meio Ambiente reitera a posição da França em relação ao acordo Mercosul-União Europeia, firmado após 20 anos de negociações. O pacto, comemorado imediatamente pelo governo Bolsonaro (PSL), teve os laços desconfigurados com o aumento do desmate e de queimadas na Amazônia. 

O presidente da França, Emmanuel Macron, afirmou no fim de agosto que havia decidido bloquear o acordo comercial entre a União Europeia e o Mercosul. O mandatário francês acusou ainda o presidente Bolsonaro de mentir ao desprezar os motivos de preocupação com a mudança climática. (Com informações da Agência Reuters)

Últimas notícias