Mãe é presa suspeita de espancar bebê por se irritar com o choro da filha

Polícia Civil informa que agressão ocorreu em Mara Rosa, no nordeste de Goiás. Criança foi entregue ao pai

atualizado 18/09/2021 12:58

Divulgação: PCGO

Uma mulher foi presa por suspeita de agredir a filha de 1 ano de idade, em Mara Rosa, na região nordeste de Goiás, a 347 quilômetros de Goiânia. Segundo a Polícia Civil, as investigações apontam que a mãe teria agredido por ter perdido a paciência com o choro da filha.

A moça acabou detida na última quinta-feira (16/9) depois de vizinhos ouvirem o choro desesperador da bebê. Logo em seguida, eles ligaram para o Conselho Tutelar de Mara Rosa, que chamou a polícia.

O delegado Matheus Ferreira de Oliveira disse que a investigada foi autuada em flagrante, pagou fiança no valor de meio salário mínimo, cerca de R$ 550, e liberada depois.

A polícia informou que, se condenada, a mulher poderá ter pena de até três anos de prisão. A menina foi levada para a casa do pai, que mora em Alto Horizonte, no norte de Goiás.

O Metrópoles não conseguiu localizar o contato dos pais da bebê, já que os nomes deles não foram divulgados, conforme prevê o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Últimas notícias