Justiça da Paraíba autoriza adolescente a doar medula óssea para a mãe

Por se tratar de uma menor de idade, foi preciso um alvará judicial para fazer a coleta a retirada dessa medula óssea

atualizado 12/09/2020 15:42

TransplanteVinícius Santa Rosa/Metrópoles

Uma mãe portadora de linfoma, um câncer do sistema linfático, deve receber a doação de medula óssea da filha, que é uma adolescente. O procedimento foi autorizado pela Justiça da Paraíba.

Os médicos indicaram um transplante de medula óssea e, após exames, ficou confirmado clinicamente que apenas a filha, que é uma adolescente, seria uma doadora compatível.

Por se tratar de uma menor de idade, foi preciso um alvará judicial para fazer a coleta a retirada dessa medula óssea.

Ler a matéria completa no site Portal T5, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias