Jovem é atingida na boca por bala perdida enquanto amamenta filho

A vítima foi socorrida pelo sogro e encaminhada ao Hospital de Urgência e Emergência. Familiares disseram que o caso é grave

atualizado 16/09/2021 17:44

Max Kleinen/Unsplash

Uma jovem, de 21 anos, foi atingida na boca por uma bala perdida, nesta quinta-feira (16/9), enquanto amamentava o filho recém-nascido, de apenas um mês, na varanda de casa, em Cariacica, município do Espírito Santo.

O sogro da vítima foi quem encontrou a mulher ferida. “Eu vim correndo para ver. Quando eu cheguei aqui, era sangue para todo lado. O que eu pude fazer? Só tive tempo de pegar o carro e socorrer ela para o hospital”, contou.

De acordo com o jornal Folha Vitória, a jovem foi baleada por volta das 8h. Ela foi levada ao Pronto Atendimento e, posteriormente, encaminhada ao Hospital de Urgência e Emergência. A família informou que o bebê não foi atingido, mas também precisou de atendimento médico, uma vez que ficou ensanguentado pelo ferimento da mãe.

O recém-nascido foi transferido para o Hospital Infantil de Vitória. Ainda não se sabe de onde foi feito o disparo. Familiares relataram, entretanto, que o tiro atingiu uma toalha que estava no varal e, em seguida, acertou a boca da jovem.

O sogro da vítima também revelou que ela gritou por socorro quando foi baleada. “Ela não falava. Ela gritava muito. A mulher do meu sobrinho que estava no andar de cima desceu para socorrer ela e já pegou a criança. E eu peguei ela [a jovem], entrei no carro e saímos”, relatou ele.

Os moradores contaram que ouviram o barulho de ao menos dois tiros. Os disparos teriam sido feitos próximo a um valão, em uma região conhecida como Favelinha.

A Polícia Militar informou que a autoria e a motivação do crime são desconhecidas. A Polícia Civil também foi acionada.

Familiares informaram que não tinham muitas informações sobre o estado de saúde da vítima, mas que o caso era grave e até os dentes da jovem teriam sido atingidos.

Testemunha viu um homem armado

A Polícia Militar informou que uma mulher, que passava pela rua, viu um homem armado. A reação da testemunha foi sair correndo, por medo de ser assaltada pelo suspeito.

Enquanto fugia, ela conseguiu acionar a polícia, que iniciou uma busca pela região de Sotelândia, no município do ocorrido.

Os militarem localizaram um homem com as mesmas características descritas pela mulher e deram ordem de parada ao suspeito, que não obedeceu.

A polícia informou, por nota, que o homem entrou em uma região de mata para fugir. Logo depois, a Polícia Militar ouviu o barulho dos disparos, mas não conseguiu localizar o fugitivo.

Últimas notícias