Investigado por organização criminosa, filho de Cabral se entrega à PF

Alvo da Operação Smoke Free, José Eduardo Neves Cabral se apresentou na Superintendência da PF e foi preso

atualizado 24/11/2022 18:03

José Eduardo Neves Cabral, filho de Sérgio Cabral - Metrópoles Reprodução

O filho do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, José Eduardo Neves Cabral, se apresentou na Superintendência da Polícia Federal, na Praça Mauá, na capital fluminense, e foi preso nesta quinta-feira (24/11), segundo informações do G1.

José Eduardo Neves Cabral é alvo da Operação Smoke Free, que investiga o comércio ilegal de cigarros no Rio de Janeiro. Além do filho do ex-governador, outras 26 pessoas são investigadas por suposta organização criminosa.

Conforme informações divulgadas pela Polícia Federal, o grupo criminoso, em parceria com outras facções, emitia notas falsificadas dos cigarros.

O dinheiro obtido pela venda ilegal de cigarros era lavado e repassado de forma irregular ao exterior. O grupo deve mais de R$ 2 bilhões em impostos para os cofres públicos da União, segundo a PF.

Além de José Cabral, o policial federal Allan Cardoso Inácio de Assis foi preso na última quarta-feira (12/11).

As investigações contam com o apoio da US Homeland Security Investigations, a Agência de Investigações de Segurança Interna dos Estados Unidos.

Sérgio Cabral passa mal

O ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral passou mal e desmaiou, nessa quarta-feira (23/11), depois que soube da Operação Smoke Free da Polícia Federal que tem como alvo o seu filho José Eduardo Neves Cabral.

Cabral foi atendido na manhã dessa quarta na unidade de saúde da penitenciária e não apresentou mais nenhuma complicação, segundo informações do comando da Unidade Prisional da Polícia Militar.

Mais lidas
Últimas notícias