metropoles.com

Indígena de 73 anos é preso por engravidar filha e viver como “marido”

Adolescente de 12 anos passou por exames que constataram diversas lesões, além da gravidez. Pai da jovem é apontado como principal suspeito

atualizado

Getty Images
Feminismo - feminino - abuso sexual - violência sexual - estupro

Um indígena, de 73 anos, foi preso suspeito de estuprar, engravidar e viver como “marido” da própria filha, de 12 anos. O caso ocorreu em Amambai, município de Mato Grosso do Sul. O mandado de prisão foi cumprido nessa terça-feira (28/2) pela Polícia Civil do município.

Segundo a polícia, a adolescente passou por exames que auxiliaram na constatação dos crimes. Além de diversas lesões, a vítima está grávida do pai.

Confira mais informações no Bahia Notícias, parceiro do Metrópoles.






Quais assuntos você deseja receber?