Homem é acusado de estuprar enteada e obrigá-la a dizer que bebê é do namorado

Caso foi em Palestina (GO). Menina tinha 13 anos quando teria sido estuprada, engravidou e guardou segredo, por medo, nos últimos três anos

atualizado 19/07/2021 15:00

Foto ilustrativa violênciaReprodução/Foto ilustrativa

Goiânia – Um homem de 40 anos foi preso preventivamente em Palestina de Goiás, a 303 quilômetros de Goiânia, região oeste do estado, suspeito de estuprar e engravidar a enteada, e obrigá-la a registrar o bebê no nome do namorado que ela tinha na época. O caso aconteceu quando a jovem, hoje com 16 anos, tinha apenas 13 anos de idade.

Durante esse tempo, a adolescente se manteve calada por medo e procurou ajuda, recentemente, depois de dizer que não aguentava mais guardar consigo o que havia ocorrido no passado. A Delegacia de Polícia (DP) da cidade deu início à investigação e o homem confirmou, no interrogatório, ter abusado sexualmente da enteada.

A confirmação da paternidade será obtida após a realização do exame de DNA. Amostras do padrasto e do namorado da jovem foram colhidas para confrontar com a amostra genética da criança.

DNA

De acordo com a polícia, o namorado chegou a desconfiar, na época, que não fosse o pai da criança. Ele disse que não poderia ser ele e expressou o desejo de fazer o DNA. Para evitar que tudo fosse descoberto, no entanto, o padrasto da adolescente interviu e fez com que o rapaz mudasse de ideia. O jovem acabou registrando o bebê.

Tudo isso só veio à tona com o relato da jovem e o conteúdo dos interrogatórios. O homem contou à polícia que os abusos começaram há cerca de quatro anos e que eles ocorriam sempre que a mãe da adolescente os deixava sozinhos em casa.

Ele contou, ainda, que mesmo percebendo a semelhança dos traços da criança com os seus, o que poderia levantar certa suspeita, preferiu dizer que era filho de outra pessoa para salvar o casamento com a mãe da enteada.

A previsão é de que o inquérito seja concluído nos próximos dias e remetido ao Judiciário, já com o laudo de comprovação da paternidade.

Últimas notícias