metropoles.com

“Guerra diária”, desabafa mãe de jovem que cheirou pimenta, após alta da filha

Thais Medeiros voltou para casa nessa terça-feira (1º/8), após quase seis meses internada por reação alérgica ao cheirar pimenta

atualizado

Compartilhar notícia

Reprodução/Redes sociais
goias thais medeiros cheirou pimenta broncoespasmo
1 de 1 goias thais medeiros cheirou pimenta broncoespasmo - Foto: Reprodução/Redes sociais

Goiânia – A trancista Thais Medeiros de Oliveira, de 25 anos, voltou para casa nessa terça-feira (1º/8), após quase seis meses internada devido a uma grave reação ao cheirar uma conserva de pimenta bode. Com uma estrutura hospitalar montada em casa, a jovem receberá tratamento domiciliar pelos próximos 10 meses.

De acordo com a mãe de Thais, Adriana Medeiros, já foi possível perceber mudanças na filha durante a primeira noite em casa. “Ela está mais tranquila, mais serena, dormiu melhor, chorou pouco. Está perto da família, das filhas. É uma guerra cerrada e diária, mas a gente tem que se adaptar”, disse ela ao Metrópoles.

0

Tratamento domiciliar

Ao portal Adriana contou que a vaquinha feita pela família, nas redes sociais, arrecadou uma quantia suficiente para que fosse montada a estrutura hospitalar necessária ao tratamento de Thais, uma espécie de UTI. Segundo ela, também foi possível comprar um carro adaptado para fazer o transporte da jovem.

“Ela recebeu muitas doações, e o dinheiro da vaquinha foi suficiente para comprarmos um carro adaptado, cadeiras, ela tem o quarto dela. O dinheiro restante vai ser todo revertido em tratamento. Inicialmente, ela vai continuar sendo assistida pelo Crer (Centro de Reabilitação e Readaptação Dr. Henrique Santillo), durante 10 meses. A equipe vem uma vez por semana em casa, mas ainda será necessário pagar fisioterapia, fonoaudióloga, vez ou outra uma cuidadora”, relatou Adriana.

De acordo com a mãe de Thais, eles não têm familiares próximos, o que dificulta a situação. “Ainda está difícil. Somos só eu e meu esposo, não temos familiares por aqui. É um momento de emoção total”, afirmou.

Ainda de acordo com Adriana, a filha segue em tratamento contra uma infecção nos ossos, que dias atrás a impediu de sair do hospital. “Ela segue em tratamento contra a osteomielite, que é um infecção nos ossos. Ela está fazendo uso de medicamentos em casa, para o fim dessa danada”, detalhou.

Reação grave

Thais Medeiros passou mal durante um almoço na casa do namorado em fevereiro deste ano, ao cheirar uma conserva de pimenta bode, e teve uma grave reação alérgica. A trancista chegou a ficar 20 dias internada em uma unidade de terapia intensiva (UTI), em Anápolis, cidade onde ocorreu o incidente, e foi diagnosticada com um edema cerebral.

Posteriormente, ela foi transferida para a capital goiana, onde segue em tratamento.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações