Governador de MG se diz “estarrecido” com acidente de ônibus no estado

De acordo com informações preliminares, há ao menos 11 mortos e 30 feridos. Acidente ocorreu na região central de Minas Gerais

atualizado 04/12/2020 16:24

Assembleia Legislativa de Minas Gerais/Divulgação

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), disse, nesta sexta-feira (4/12), estar “estarrecido” e desejou solidariedade aos familiares das vítimas do acidente em João Monlevade, na região central do estado. O gestor afirmou que colocou todo o aparato do governo à disposição.

“Estarrecido. Toda a minha solidariedade aos familiares e amigos das vítimas do grave acidente que ocorreu nesta tarde, em João Monlevade, região Central. Até o momento, 10 mortos foram confirmados nesta triste tragédia”, escreveu (pouco depois, a PRF confirmou a morte de mais uma vítima).

“Equipes dos bombeiros, policiais, ambulâncias e helicóptero estão no local para atendimento aos feridos, apoio às famílias e apuração dos fatos. Todo o aparato do Governo de Minas foi colocado por mim à disposição das vítimas”, acrescentou.

Por volta das 14h, um ônibus caiu de um viaduto na BR-381, em João Monlevade, perto da entrada para Dom Silvério, em Minas Gerais. Até o momento, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o Corpo de Bombeiros apuram as causas do acidente. De acordo com informações preliminares, há, ao menos, 11 óbitos e 30 feridos.

0

Últimas notícias