Foragido por matar médica em SC é encontrado na casa de namorada no RS

Idoso matou a companheira em março do ano passado e iniciou um novo relacionamento enquanto se escondia da polícia

atualizado 14/04/2021 15:20

Foi preso no Rio Grande do Sul nesta quarta-feira (14/4) o homem que confessou ter matado a companheira Lúcia Schultz, 59, em Itapema, no litoral norte de Santa Catarina, em março do ano passado.

Ele estava foragido desde setembro, quando um novo mandado de prisão foi expedido pela Justiça.

Leia mais em NSC Total, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias