Falta de doses faz Prefeitura de São Paulo adiar vacinação de 28 anos

Prefeito Ricardo Nunes disse que houve "erro de cálculo" e que, por isso, calendário será retomado na quinta-feira

atualizado 26/07/2021 17:34

VacinaGustavo Moreno / Especial para o Metrópoles

São Paulo – A prefeitura da capital paulista adiou a vacinação contra Covid-19 do grupo de 28 anos, prevista para começar na próxima quinta-feira (29/7). Por enquanto, o calendário de imunização na cidade de São Paulo prevê a convocação de pessoas que tenham mais de 29 anos, a partir de terça-feira (27/7).

De acordo com o prefeito Ricardo Nunes (MDB), o adiamento ocorreu por um “erro de cálculo”. “Reconhecemos que pudemos ter tido uma interpretação não correta”, disse, em relação às informações sobre o recebimento de doses por parte do governo estadual. “Tínhamos uma programação de chegada de vacinas que não se confirmou”, continuou.

0

O atraso na entrega de doses por parte do governo estadual tem sido recorrente em São Paulo, o que fez a administração municipal interromper a vacinação por um dia, no fim de junho.

O governo estadual diz que depende do Ministério da Saúde para obter imunizantes e enfatiza que não tem gerência sobre os atrasos nessas entregas.

Últimas notícias