Ex-jogadoras de vôlei gêmeas morrem de Covid em intervalo de 1 semana

Patrícia e Alessandra Pimentel, de 42 anos, já haviam perdido a mãe em 22 de março para a doença

atualizado 13/04/2021 14:27

Patrícia e Alessandra Pimentel, irmãs gêmeas de 42 anos, morreram vítimas da Covid-19 em Macapá (AM). Ambas eram ex-jogadores de voleibol e não resistiram às complicações da doença com apenas uma semana de diferença. As informações são do portal Diário do Amapá.

Patrícia Pimentel veio a óbito no último sábado (10/4), uma semana depois da irmã Alessandra ter falecido também em decorrência da doença, em 3 de abril.

0

As gêmeas atuaram como atletas do voleibol no time do Amapá desde a juventude, quando fizeram parte da seleção amapaense. Elas tiveram passagens por clubes conquistando títulos nos âmbitos estadual e nacional.

As irmãs já tinham perdido a mãe para a doença em 22 de março, quando também estavam em tratamento contra a Covid-19 no Centro Covid do Hospital Universitário (HU). Alessandra, que morreu primeiro, era casada e deixou dois filhos.

Últimas notícias