Ex-jogadora de vôlei tem carro baleado em tentativa de assalto no Rio

Na volta de evento, carro em que a ex-atleta seguia com a família foi perseguido por criminosos em moto

Reprodução/InstagramReprodução/Instagram

atualizado 16/04/2019 14:14

A modelo Luciane Freire Escouto passou por momentos de terror após uma tentativa de assalto na região de Magé, no Rio de Janeiro. A ex-jogadora de vôlei, que defendeu o Barueri antes de encerrar a carreira nos esportes, quase foi baleada por criminosos que cercaram o carro dela.

Segundo informações do UOL, Luciane, que foi Miss Brasil em 2013, voltava de um evento em Belo Horizonte (MG) quando o carro em que seguia com o marido, o filho e mãe foi fechado na estrada por uma moto com dois suspeitos, um deles armado.

Reprodução
Luciane Escouto publicou na internet a foto da marca do tiro dado pelos criminosos

O marido dela, que dirigia o veículo, resolveu acelerar e os criminosos iniciaram uma perseguição. Ao UOL, a ex-jogadora contou sobre os momentos de pavor que passou ao lado da família.

“O motorista da moto estava atrás de nós, e o caroneiro, que estava armado, já estava mirando para o tiro. Meu marido fez menção que iria atropelar eles, e o cara se assustou. Ele perdeu a mira e acertou a minha porta na parte de baixo”, relatou. A dupla fugiu e o marido de Luciene buscou socorro junto a agentes da Polícia Federal no pedágio da rodovia.

No vôlei, Luciane teve destaque defendendo times como o Rio de Janeiro e Barueri. Modelo, a ex-atleta representou o Rio Grande do Sul no concurso Miss Brasil World, em 2013.

Últimas notícias