Escrivã leva choque em extensão com fios soltos e morre em Cuiabá

A extensão estava ligada em uma tomada de 220V de potência, que pegou na perna da escrivã, que morreu na hora

atualizado 17/07/2020 11:59

Facebook/Reprodução

A escrivã da Polícia Civil de Mato Grosso Néria Regina dos Reis Carvalho de Campos Padrilha, 42 anos, morreu na manhã dessa quinta-feira (16/7) após levar um choque com uma extensão de energia que estava com fios soltos.

Néria era natural de Nobres (150 km de Cuiabá), mas atualmente trabalhava em Cuiabá, na Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito (Deletran).

Leia a reportagem completa em O Livre, parceiro do Metrópoles. 

Últimas notícias