Empresa de ônibus que caiu em MG: “Não nos furtaremos da responsabilidade”

Em nota, a Localima Turismo disse que o ônibus "transporta seus passageiros dentro das regras dos órgãos fiscalizadores"

atualizado 05/12/2020 9:04

ACIDENTE ONIBUS VIADUTO EM JOÃO MONLEVADE MGReprodução/Redes Sociais

A Localima Turismo, responsável pelo ônibus que caiu de um viaduto na BR-381, em João Monlevade (MG), na tarde dessa sexta-feira (4/12), divulgou em suas redes sociais uma nota de pesar para as vítimas e familiares do acidente. Na publicação, a empresa afirma que arrenda o veículo para a J.S. Turismo e que o transporte de passageiros é feito “dentro das regras dos órgãos fiscalizadores – ANTT e Polícia Rodoviária Federal”.

Porém, segundo informações divulgadas pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), o ônibus não tinha autorização para transporte de passageiros.

0

O ônibus, que saiu de um povoado localizado na zona rural de Mata Grande (AL), na manhã de quinta-feira (3/12), e seguia para São Paulo, caiu de uma altura, segundo o Corpo de Bombeiros, de aproximadamente 23 metros.

De acordo com informações do governo estadual e dos Bombeiros, o número de mortes é de 17 e há 27 feridos. Doze pessoas morreram no local do acidente e outras cinco, que estavam em estado grave, vieram a óbito.

 


 

Veja a nota da Localima na íntegra:

A empresa Localima vem, através da presente nota, expressar nosso pesar e nossa profunda tristeza pelas vítimas e seus familiares acerca do acidente ocorrido no dia 04/12/2020.

Informamos, ainda, que a Localima possui contrato de arrendamento junto à empresa J.S. Turismo, a qual transporta seus passageiros dentro das regras dos órgãos fiscalizadores – ANTT e Polícia Rodoviária Federal.

Não nos furtaremos da nossa responsabilidade e somaremos todas as nossas forças e empenho para prestar total assistência às vítimas e aos seus familiares.

Nada, absolutamente nada, trará de volta a vida das vítimas. Foi uma fatalidade que gostaríamos de ter evitado.

Todos os fatos estão sendo apurados, e a nossa empresa possui interesse direto na devida elucidação, sendo certo que as reparações serão realizadas, caso a caso, para que a dor das vítimas e dos seus familiares sejam amenizadas.

Lamentamos o ocorrido, e nos sentimos profundamente abalados por este grave acidente. Não obstante, nossa equipe esclarece que se coloca à inteira disposição, dando suporte humano, digno, com compaixão e empatia, para amenizar a dor daqueles que sofrem, sejam vítimas ou seus familiares.

Com profundo pesar, Localima.

Últimas notícias