Em vídeo, delegado Bilynskyj diz que namorada deu 6 tiros nele e se matou

Policial da PCSP e professor do Estratégia Concursos foi encontrado baleado próximo à namorada, morta, em um apartamento em São Paulo

Delegado Paulo BilynskyjArquivo Pessoal

atualizado 20/05/2020 20:24

O delegado da Polícia Civil e professor do Estratégia Concursos Paulo Bilynskyj gravou um vídeo para explicar como uma suposta briga de casal terminou com ele em estado grave, internado no hospital, e com a namorada, Priscila Delgado de Barros, morta, na manhã desta quarta-feira (20/05), em São Bernardo dos Campos (SP).

0

Na filmagem, feita dentro de uma unidade de terapia intensiva (UTI),  Bilynskyj afirma que o ataque ocorreu após Priscila olhar uma mensagem no celular dele. “Ontem, Priscila, minha namorada, viu uma mensagem de antes de ela ir para minha casa. Hoje de manhã, quando saí do banho, ela deu seis tiros em mim”, falou, hospitalizado.

No vídeo, o delegado detalhou, ainda, como Priscila morreu. Segundo o investigador, após os seis disparos efetuados contra ele, ela se matou. Veja abaixo:

Paulo Bilynskyj foi encontrado baleado em um apartamento. A namorada, Priscila, foi encontrada morta também no local, com marca de tiro. Os tiros atingiram dedo, perna e abdômen do delegado, que passará por cirurgia.

O prédio do crime é o mesmo onde o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem residência.

Estratégia Concursos

Além de delegado da Polícia Civil, Bilynskyj é coordenador de cursos preparatórios para carreiras policiais, e coautor do livro Delegado de Polícia – Questões discursivas e Peças Práticas Comentadas e Respondidas.

O policial tem 281 mil seguidores no Instagram e é considerado uma celebridade entre os concurseiros. Nas redes sociais, seguidores prestam solidariedade ao professor. “Paulo, amigo, estou orando por você”, escreveu o médico Barakat. “Melhoras, meu irmão”, escreveu um outro seguidor.

Últimas notícias