Genial/Quaest: diferença entre Lula e Bolsonaro cai 9 pontos em MG

No segundo maior colégio eleitoral, Bolsonaro começa a recuperar os pontos de diferença em relação a Lula. A rejeição ao governo também caiu

atualizado 12/08/2022 10:11

Fotos justapostas do presidente Jair Bolsonaro (esquerda) e do pré-candidato à presidência Lula (direita) - MetrópolesRafaela Felicciano/Metrópoles

Pesquisa de intenções de voto encomendada pela Genial Investimentos e realizada pela Quaest, no estado de Minas Gerais, revelou que a diferença entre o petista Luiz Inácio Lula da Silva e o presidente Jair Bolsonaro (PL) caiu nove pontos percentuais – de 18 para nove. Hoje, Lula tem 42% e Bolsonaro, 33%.

Em relação à última análise, o petista caiu quatro pontos (de 46% para 42%), enquanto Bolsonaro cresceu cinco (28% para 33%). O cenário é estimulado, ou seja, os nomes dos candidatos são apresentados aos eleitores.

Ciro Gomes (PDT) tem 6% das intenções de voto, e Simone Tebet (MDB) tem 1%. Brancos e nulos são 7%; indecisos, 9%.

Na espontânea do cenário nacional (quando os nomes não são mostrados aos entrevistados), Lula caiu de 36% para 31%; Bolsonaro foi de 22% para 26%.

Atualmente, Ciro aparece com 1%. Indecisos representam 39% e brancos e nulos 2%. A pesquisa ouviu 1.480 pessoas, presencialmente, entre 6 e 9 de agosto. A margem de erro é de 2,5 pontos percentuais. O nível de confiança, 95%.

A rejeição ao governo também diminuiu de 46%, em julho, para 39%. A avaliação positiva também foi de 29% para 34%.

A pesquisa foi feita entre 6 e 9 de agosto, com 2 mil pessoas entrevistadas, margem de erro de 2% e nível de confiança de 95%. Os registros no TRE e no TSE são, respectivamente, MG 09990/2022 e BR 08299/2022.

Mais lidas
Últimas notícias