Datafolha em SP: Haddad lidera com 34%, Tarcísio tem 23% e Rodrigo, 19%

Instituto ouviu 2.000 pessoas entre os dias 20 e 22 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos

atualizado 22/09/2022 19:36

candidatos governo SP Fernando Haddad Tarcísio de Freitas Rodrigo GarciaFábio Vieira/Metrópoles

O Instituto Datafolha divulgou, na noite desta quinta-feira (22/9), mais uma rodada da pesquisa para o governo de São Paulo. Fernando Haddad (PT) lidera com 34%, enquanto Tarcísio de Freitas (Republicanos) oscilou para cima e tem 23%. Rodrigo Garcia (PSDB) manteve 19% da preferência dos eleitores.

No levantamento anterior, publicado em 15 de setembro, o petista tinha 36%, contra 22% do ex-ministro da Infraestrutura do governo Jair Bolsonaro (PL).

Veja os percentuais dos demais candidatos:

Brancos e nulos continuam em 11%. Os indecisos somam 9%. No levantamento anterior, eram 7%. O Datafolha ouviu 2.000 pessoas, em 86 cidades, entre os dias 20 e 22 de setembro.

A sondagem foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número SP-06078/2022. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

Presidente, governador e senador: veja quem são os candidatos nas Eleições 2022

Pesquisa espontânea

Na pesquisa espontânea, em que os eleitores não são apresentados a uma lista prévia, Haddad continua na liderança e é citado por 21% dos questionados. Tarcísio vem em seguida, com 13% das intenções de voto.

Veja o resultado completo:

  • Fernando Haddad (PT): 21%
  • Tarcísio de Freitas (Republicanos): 13%
  • Rodrigo Garcia (PSDB): 9%
  • Atual governador: 0%
  • Candidato do PT/13: 1%
  • Candidato do presidente/apoiado pelo presidente: 1%
  • Outras respostas: 6%
  • Brancos e nulos: 7%
  • Não sabe: 41%

Segundo turno

O Datafolha testou dois cenários de segundo turno para o governo do estado. O ex-prefeito de São Paulo obtém maior vantagem contra Tarcísio de Freitas (11 pontos percentuais) do que contra Rodrigo Garcia (cinco pontos percentuais).

Haddad tem 49% contra 38% do ex-ministro da Infraestrutura do governo Bolsonaro. Brancos e nulos são 9% e 3% não sabem.

O petista tem 46% contra 41% do atual governador tucano. Brancos e nulos somam 11% e 3% não sabem.

Rejeição

O candidato com maior índice de rejeição é o petista Fernando Haddad. 39% dos eleitores dizem que não votariam nele de jeito nenhum (contra 35% do levantamento anterior).

A rejeição de Tarcício permaneceu estável, em 27%. Antino (PSTU) tem 19% (ante 21% da pesquisa anterior) e depois aparece Rodrigo Garcia, que oscilou de 17% na semana passada para 18% agora.

Veja o índice de rejeição dos demais candidatos:

  • Antonio Jorge (Democracia Cristã): 16% (18% na anterior)
  • Elvis Cezar (PDT): 16% (18% na anterior)
  • Edson Dorta (PCO): 15% (7% na anterior)
  • Gabriel Colombo (PCB): 15% (17% na anterior)
  • Carol Vigliar (Unidade Popular): 15% (16% na anterior)
  • Vinicius Poit (Novo): 15% (16% na anterior)
  • Rejeitam todos/não votariam em nenhum: 3% (4% na anterior)
  • Votaria em qualquer um/não rejeita nenhum: 3% (4% na anterior)
  • Não souberam: 12% (12% na anterior)

Mais lidas
Últimas notícias