MBL fatura com fala de Cid e cria camiseta: “Lula tá preso, babaca”

Na última segunda (15), pedetista envolveu-se em bate-boca com petistas. Depois da polêmica, usou redes sociais para declarar voto em Haddad

atualizado 17/10/2018 21:35

Reprodução

O Movimento Brasil Livre (MBL) iniciou, nesta quarta-feira (17/10), as vendas de uma camiseta com as transcrições das frases ditas por Cid Gomes (PDT) a petistas durante evento em favor de Fernando Haddad (PT) na última segunda (15). “O Lula tá preso, babaca. Vocês vão perder” ganhou um desenho inspirado na identidade visual da campanha do ex-prefeito de São Paulo à Presidência da República. A camiseta custa R$ 49,99.

Eleito senador pelo Ceará, Cid envolveu-se em um bate-boca com apoiadores de Haddad. Diante de um auditório lotado, o pedetista e irmão do presidenciável Ciro Gomes (PDT) cobrou uma autocrítica do Partido dos Trabalhadores. Foi vaiado pelos participantes do ato. Em determinado momento, o pedetista disparou: “É por isso que vocês vão perder”.

Adversário de Haddad, Jair Bolsonaro usou as imagens da confusão em sua propaganda eleitoral. Cid recorreu ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra a utilização de sua imagem no programa eleitoral de Bolsonaro. Para a defesa do pedetista, o presidenciável do PSL lançou mão de “ardiloso artifício para tentar repassar à população fatos que não condizem com a realidade”.

Nesta quarta (17), Cid usou as redes sociais para declarar apoio e pedir votos a Haddad. “Com tudo que penso e diante de tudo que falei, não é correto o que fez o outro candidato [Bolsonaro]. Usar imagens minhas, editadas, sem minha autorização. Que não fique nenhuma dúvida: neste segundo turno, Haddad é o melhor para o Brasil. Votarei no Haddad no dia 28 [de outubro]”, diz Cid, em vídeo.

Últimas notícias