Eleições 2018: Zema e Anastasia vão ao 2º turno pelo governo de Minas

Candidatos do Novo e do PSDB desbancaram o petista Fernando Pimentel, que tentava a reeleição

Novo/DivulgaçãoNovo/Divulgação

atualizado 07/10/2018 21:06

Segundo maior colégio eleitoral do país, Minas Gerais só definirá quem governará o estado pelos próximos quatro anos em 28 de outubro. Neste domingo (7/10), Romeu Zema (Novo) (foto em destaque) contrariou o resultado das pesquisas de intenção de voto e irá ao segundo turno como candidato mais apoiado pelos eleitores.

Quando 97% das urnas haviam sido apuradas, Zema somava 43,05% dos votos, seguido por Antonio Anastasia (PSDB), com 29,04%. A dupla desbancou Fernando Pimentel (PT), que buscava a reeleição. O petista tinha 22,8% dos votos.

Atualmente senador, Anastasia tenta voltar ao governo mineiro em coligação com PSD, Solidariedade, PTB, PPS, PMN, PSC, DEM, PP, PTC, Patriota e PMB. Ele comandou o Executivo mineiro de 2010 a 2014. Seu candidato a vice é Marcos Montes, do PSD.

Tentando a reeleição, Fernando Pimentel forma aliança com PCdoB, PSB, PR e DC. Sua candidata a vice é Jô Moraes, do PCdoB.

Últimas notícias