Pisa 2021 analisará competências matemáticas da educação básica

Prova visa avaliar competências e a capacidade de formular, aplicar e interpretar problemas

Divulgação

atualizado 11/03/2020 14:25

Questões relacionadas à Matemática serão o foco da prova do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa), da edição de 2021, que irá analisar as competências, a capacidade de formular, aplicar e interpretar problemas matemáticos. Com isso, espera-se coletar informações sobre a aprendizagem.

No exame, a cada aplicação se destaca um dos domínios, que pode ser Ciências, Leitura e Matemática. O último ano que a Matemática foi domínio principal da avaliação foi em 2012. Com a nova Matriz de Referência de Matemática do Pisa, os participantes respondem a um maior número de questões da área de conhecimento.

O Pisa é da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) e do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), vinculado ao Ministério da Educação (MEC), responsável pela avaliação no País.  O exame é feito a cada três anos, em mais de 80 países da OCDE. Aplicado desde o ano 2000, o Brasil participa desde a primeira edição do exame.

Quem podem participar do Pisa 2021?

A prova avalia estudantes de 15 anos matriculados a partir do 7º ano do Ensino Fundamental. No Brasil, corresponde àqueles cursando o 1º ano do Ensino Médio. Normalmente, é nessa época da vida escolar que os alunos completaram ou estão completando a Educação Básica.

Bolsas de estudo para a Educação Básica

Uma das principais formas de se destacar nos estudos é investindo em conhecimento. Por isso, muitos pais recorrem ao Educa Mais Brasil, maior programa de inclusão educacional do país, que oferta bolsas de estudo de até 70% de descontos em escolas particulares. Confira aqui as opções disponíveis em sua cidade.

*Com informações do Ministério da Educação

Últimas notícias