Mais de 70% da população responsabiliza governo por inflação e desemprego

Inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) atingiu a maior taxa para agosto em 21 anos

atualizado 20/09/2021 15:10

Paulo guedes de olhos fechadosHugo Barreto/Metrópoles

Mais de 70% dos brasileiros consideram o governo Bolsonaro responsável – muito ou um pouco – pela disparada da inflação e pelo desemprego no país, aponta pesquisa Datafolha realizada de 13 a 15 de setembro.

No mês passado, a inflação regulada pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) atingiu a maior taxa para agosto (0,87%) em 21 anos e alcançou a marca de 9,68% no acumulado de 12 meses. Já o desemprego afetou 14,4 milhões de pessoas no país, conforme os dados do Instituto Nacional de Geografia e Estatística (IBGE).

Para 41% dos entrevistados, o governo Bolsonaro tem muita responsabilidade pela inflação. Outros 34% consideram que a gestão tem um pouco de responsabilidade. Outros 23% dizem que não é culpa do governo bolsonarista.

Entre os que veem a gestão de Bolsonaro como ótima ou boa, 30% também avalia que o governo tem muita responsabilidade e 45% que tem um pouco de responsabilidade pela inflação.

A culpabilidade é maior entre pessoas com ensino superior (84%), com renda maior que dez salários mínimos (81%) e assalariados registrados (82%).

Desemprego

Quando questionados sobre o desemprego, 39% dos brasileiros apontam muita responsabilidade do governo pelo problema enquanto 32% dizem que a gestão federal tem um pouco de culpa. Outros 27% não veem nenhuma responsabilidade da administração federal no assunto.

Mais lidas
Últimas notícias