Focus eleva projeção sobre a inflação pela 8ª vez seguida, a 3,87%

Há quatro semanas, a previsão sobre o indicador era de 3,53%. Dados foram publicados nesta segunda-feira, pelo Banco Central

atualizado 01/03/2021 9:39

Brasil, Brasília, DF, 14/10/2014. Retrato do edifício sede do Banco Central, em Brasília (DF).EDUARDO DUARTE/ESTADÃO CONTEÚDO

O relatório de mercado Focus desta segunda-feira (1º/3) aumentou, pela oitava vez seguida, a projeção sobre o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) do país para 3,87% neste ano.

Houve um incremento de 0,05 ponto percentual em relação ao estimado na semana passada, quando o mercado financeiro previa alta de 3,82% do IPCA em 2021.

Há quatro semanas, a previsão sobre o indicador era de 3,53%. Publicado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o IPCA é considerado o índice oficial da inflação.

O relatório Focus é divulgado semanalmente pelo Banco Central (BC). O boletim reúne a projeção de dezenas de bancos, corretoras e instituições financeiras, por exemplo.

Por sua vez, as previsões sobre o Produto Interno Bruto (PIB) e a meta da taxa Selic para 2021 se mantiveram igual, em 3,29% e 4%, respectivamente. Leia a íntegra do relatório aqui.

0

O IBGE informou, na última quarta-feira (24/2), que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) ficou em 0,48% em fevereiro, após alta de 0,78% em janeiro.

Este é o maior resultado para o mês desde 2017, quando o índice foi de 0,54%. O IPCA-15 também é conhecido como a prévia da inflação.

Últimas notícias