Caixa libera saques do auxílio emergencial a nascidos em fevereiro

Beneficiários também poderão realizar transferências. Primeira parcela foi paga em 9 de abril; segunda começa em 18 de maio

atualizado 03/05/2021 8:09

Saque do auxílio emergencialMarcello Casal Jr/Agência Brasil

A Caixa Econômica Federal (Caixa) libera, nesta segunda-feira (3/5), saques e transferências da primeira parcela do auxílio emergencial aos beneficiários nascidos em fevereiro, que receberam a contribuição em poupança social digital no dia 9 de abril e que não fazem parte do Bolsa Família.

O pagamento da primeira parcela do auxílio para esse público terminou em 29 de abril. Para os cadastrados no Bolsa Família, os pagamentos foram até 30 de abril.

O depósito da segunda parcela da ajuda financeira para o público do Bolsa Família começou em 18 de maio, e em 16 de maio para os demais beneficiários.

Os trabalhadores podem consultar a situação da contribuição pelo aplicativo do auxílio emergencial, pelo site da Caixa ou do auxílio emergencial.

Nova rodada

Em 2020, o governo concedeu o auxílio a quase 68 milhões de brasileiros. Agora, o benefício é destinado a um público menor, de 45,6 milhões de pessoas.

No ano passado, o governo pagou, em um primeiro momento, até cinco parcelas de R$ 1,2 mil a mães chefes de família e de R$ 600 ao restante dos beneficiários.

Esses valores foram reduzidos pela metade com o auxílio emergencial residual, que ajudou as famílias por mais quatro meses, até dezembro.

A segunda rodada do auxílio emergencial será paga mensalmente, no valor base de R$ 250. Mulheres chefes de família monoparental, no entanto, terão direito a R$ 375. Indivíduos que moram sozinhos (ou seja, família unipessoal) receberão apenas R$ 150 mensais.

0

 

Últimas notícias