*
 

Divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), nesta quinta-feira (14/6), a alta de 1% no setor de serviços, registrada na passagem de março para abril, foi o primeiro resultado positivo registrado em 2018. O último avanço da série com ajuste sazonal tinha ocorrido em dezembro de 2017, quando os serviços cresceram 1,2%. Os dados são da Pesquisa Mensal de Serviços.

Na comparação com o mesmo período do ano anterior, os serviços cresceram 2,2% em abril deste ano, melhor desempenho desde março de 2015, quando a taxa subiu 2,3%.

A taxa acumulada em 12 meses manteve assim a trajetória ascendente iniciada em abril de 2017, quando recuava 5,1%. A taxa em 12 meses passou de recuo de 2,1% em março para 1,4% em abril.

A queda de 1,4% na taxa de serviços em 12 meses é a menos intensa desde agosto de 2015, quando recuava 1,2%.