Ações da Embraer disparam após negociações do “carro voador”

Por volta das 12h, os papéis com direito a voto da fabricante brasileira tinham valorização de cerca de 14,28%

atualizado 10/06/2021 16:12

Reprodução

Após o anúncio da Embraer desta quinta-feira (10/6), de que está negociando com a empresa americana Zanite questões relacionadas ao eVTOL, “carro voador” em desenvolvimento, as ações da fabricante brasileira dispararam.

Em fato relevante enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a Embraer divulgou que iniciou um acordo com a Zanite Acquisition Corp, uma companhia nortre-americana de capital aberto, com o propósito de aquisição.

Depois disso, as ações da fabricante subiram mais de 14% na Bolsa de Valores brasileira. Perto das 12h, os papéis com direito a voto da empresa tinham valorização de 14,28%.

Carro voador

No mundo todo, há pelo menos 140 projetos de carros voadores sendo desenvolvidos. A promessa do mercado é de que a novidade democratize os voos comerciais, uma vez que o preço da viagem será muito mais barato do que o de um helicóptero.

O eVTOL não conta com pilotos e seu funcionamento é elétrico, o que evita a emissão de poluentes.

Na semana passada, a novidade interessou à Halo, uma companhia que fornece serviços de helicópteros e mobilidade aérea urbana privada nos Estados Unidos e no Reino Unido. A empresa chegou a encomendar 200 unidades do veículo.

Últimas notícias