Doria fala em abrir escritório de São Paulo nos EUA caso Biden vença

Para governador paulista, vitória do candidato democrata à Casa Branca será "muito boa" para o estado, pela visão "mais agregadora" de Biden

atualizado 05/11/2020 17:50

Governador de São Paulo, João Doria, fala sobre abertura de cemitério e parques, e da vacina chinesaFábio Vieira/Especial Metrópoles

São Paulo – O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta quinta-feira (05/11) que a eventual vitória do candidato democrata à presidência americana, Joe Biden, será muito boa para São Paulo. Segundo o governador, caso o democrata vença as eleições, o estado abrirá um escritório nos Estados Unidos para prospectar investimentos, como as representações que já existem em Dubai, nos Emirados Árabes, e em Xangai, na China.

“Se eleito for, Joe Biden terá uma outra visão em relação ao continente latino-americano, com toda a segurança e toda a certeza, e de forma mais integradora, a meu ver. Será bom para a Argentina, bom para o Mercosul e, espero, bom para o Brasil. Para São Paulo, eu antecipo para você, não tenho nenhuma dúvida que será muito bom” afirmou o governador, ao ser questionado, em coletiva, sobre o impacto das eleições americanas na região.

Visão diferente sobre a China

Doria lembrou que os Estados Unidos são o segundo maior parceiro comercial do Brasil e do estado de São Paulo. Para o governador, além de fortalecer as relações com a região, a vitória de Biden pode, ao mesmo tempo, retirar “esse estigma de contrariedade em relação à China”.

“Tenho a convicção que o governo americano, dentro da sua política econômica e diplomática, terá uma visão diferente em relação à China do que tem o atual presidente Donald Trump. E isso, também a meu ver, será contributivo para as relações com o Mercosul”, acrescentou.

0

Últimas notícias