“Dois meses, no máximo, estamos na normalidade”, prevê Bolsonaro

O Brasil atingiu, nesta sexta-feira (30/7), a marca de 40,5 milhões de brasileiros acima de 18 anos com o ciclo vacinal completo

atualizado 31/07/2021 0:20

Reprodução/SBT

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) declarou, nesta sexta-feira (30/7), que com o andamento da vacinação, no máximo, em dois meses, “o país voltará a normalidade”.

A fala aconteceu durante entrevista ao Programa do Ratinho, no SBT.

“Ninguém esperava que chegasse a esse ponto. O que tudo indica, com 70% da população vacinada pelo menos, estamos chegando no final dela. Se as vacinas forem efetivas para todas as cepas, mais dois meses, no máximo, estamos na normalidade”, disse.

Vacinação

O Brasil atingiu, nesta sexta-feira (30/7), a marca de 40,5 milhões de brasileiros acima de 18 anos com o ciclo vacinal completo. Isso representa 25% da população vacinável já recebeu as duas doses.

De acordo com o Ministério da Saúde, o país também registra mais de 140 milhões de doses aplicadas. A primeira dose da vacina chegou para mais de 61% da população acima de 18 anos. O público-alvo da campanha conta com mais de 160 milhões de brasileiros.

Até agora, a pasta já distribuiu mais de 176,5 milhões de doses para todos os estados e Distrito Federal. “A cada nova distribuição, uma estratégia de imunização é definida de forma tripartite, entre representantes da União, estados e municípios. É importante que todos os gestores locais do SUS sigam as orientações, para completar o esquema vacinal de todos os grupos”, ressalta o Ministério da Saúde.

Últimas notícias