Doença misteriosa mata duas crianças da mesma família

Sintomas incluem perda de movimentos dos membros inferiores. Outras duas crianças estão internadas. Caso ocorreu no interior do Amazonas

ReproduçãoReprodução

atualizado 02/12/2019 21:02

Foi internada nesta segunda-feira (02/12/2019) mais uma vítima da doença misteriosa que matou duas crianças da mesma família em Codajás (240 km distante de Manaus, capital do Amazonas). Ruanny Vitórida Silva Rolin, de 11 anos, sentiu os mesmos sintomas que os primos, foi internada no Hospital Geral do município e está sendo transferida para o Pronto Socorro da Criança, localizado na Zona Oeste da capital.

Uma prima das crianças, que preferiu não se identificar, informou que Ruanny passou mal na última sexta-feira (29/11/2019), havia melhorado e nesta segunda voltou a se sentir mal. “Ela saiu na lancha estável, porém com os mesmos sintomas que os primos: tontura, sonolência e perda dos movimentos inferiores”, explicou.

Além de Ícaro Gabriel da Silva, de 8 meses, e Ryan da Silva Silveira, de 5 anos, Maria Luiza da Silva, de 3 anos, irmã de Ryan, começou a sentir os mesmos sintomas que o irmão. Maria segue internada no Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio Pereira Machado.

A reportagem completa pode ser lida no Manaus Alerta, parceiro do Metrópoles.