Declaração de amor escrita há 40 anos é descoberta em escola de SP

Escrita em 1981, a mensagem permaneceu intacta mesmo coberta por três camadas de tinta em uma escola particular de São Vicente (SP)

atualizado 27/06/2021 16:01

Arquivo Pessoal

Escondida sob camadas de tinta em uma escola particular de São Vicente (SP), pode-se dizer que o sentimento na mensagem escrita há 40 anos sobreviveu ao teste do tempo.

O administrador da escola, Marcelo Omena, de 57 anos, encontrou a declaração de amor enquanto descascava camadas antigas de tinta durante obras na instituição de ensino. A frase, que será preservava, foi escrita em 1981. As informações são do portal G1.

Endereçada a uma pessoa chamada de “Ki-Suco” e assinada pela “Ruiva”, a mensagem permaneceu intacta mesmo coberta por três camadas de tinta. “Se a chuva representasse o amor, só mesmo um maremoto diria o que sinto por você”, diz a declaração.

Marcelo acredita que a mensagem foi deixada por uma aluna da unidade, que já funcionava na data em que foi escrita. O coordenador avalia que ela deve ter sido escrita no último dia de aula, logo antes do recesso. Ele destaca que na parede tinha nomes de outros alunos, mas que guardou este pedaço de destaque.

Para ele, a antiguidade do recado não foi o que mais lhe chamou a atenção. O coordenador acredita que poucas pessoas fazem declarações de amor para outras nos tempos atuais. Para ele os adolescentes, praticavam mais nas décadas passadas e que, hoje, um texto de amor é pesquisado pelas pessoas no Google.

Últimas notícias