Cristo Redentor lança cachaça e água licenciadas para atrair receita

Coleção de pingentes junto à joalheria HStern também aparece entre os produtos licenciados do Cristo, que comemora 90 anos

atualizado 06/10/2021 11:24

Cristo Redentoristock

Rio de Janeiro – Reitor do Santuário Cristo Redentor, o Padre Omar anunciou na manhã desta quarta (6/10) o lançamento da Cachaça Redentor, produto licenciado que começa a ser vendido na próxima semana, em mais uma ação pelos 90 anos do ponto turístico.

A bebida, fabricada na Única 7 Engenhos, na região Norte do estado, é um dos itens divulgados para gerar renda e aumentar as receitas do Santuário. Na manhã desta quarta-feira (6/10), o religioso também anunciou uma parceria com a rede de joalherias HStern, que oferecerá uma coleção de pingentes com a imagem do Cristo, gerando royalties para os projetos sociais do monumento.

0

Entre as novidades, além de objetos de decoração e artesanato, aparece a água mineral do Cristo. O insumo vem sendo desenvolvido com empresas do ramo na Região Serrana do Rio de Janeiro.

“Também queremos trazer para nosso lado os fabricantes de produtos não licenciados, tornando os itens oficiais. Trata-se de uma forma de combater a pirataria, como acontece com vendedores de toalhas, cangas e canecas”, explica o Padre Omar.

Está no ar ainda um fundo de investimentos do Cristo, que conta com 21 investidores e R$ 31 milhões, o que rende mensalmente entre R$ 20 e R$ 25 mil.

“Nosso sistema de governança é moderno e sustentável, o que chamou a atenção do mundo. Recebemos um prêmio em Milão por isso”, celebra o reitor.

A festa em comemoração pelos 90 anos do Cristo ocorrerá na terça-feira (12/10). Entre as atrações, está uma homenagem ao italiano Guglielmo Marconi, criador do sistema de iluminação da estátua. No sábado (16/10), a filha do cientista repetirá o gesto do pai e, da Itália, acenderá as luzes do monumento.

Últimas notícias