Crianças são “presas” e usam máscara de Lula e Moraes em bloqueio

Os garotos, entre 10 e 12 anos, sobem na traseira do caminhão, com ajuda dos pais, e entram em "cela" montada no veículo

atualizado 03/11/2022 14:11

Foto mostra crianças com máscaras do presidente eleito Lula e do ministro do STF, Alexandre de Moraes, presas em jaulas sob caminhão em manifestação bolsonarista, na cidade de Balenário Camboriu (SC). Várias bandeiras do Brasil adornam o local - Metrópoles Jeniffer Prado/Arquivo pessoal

A jornalista Jeniffer Prado flagrou duas crianças em cima de um caminhão, dentro de uma espécie de cela. O caso aconteceu em Balneário Camboriú (SC), na tarde dessa quarta-feira (2/11), durante o bloqueio da rodovia por bolsonaristas. Os garotos vestiam camisetas vermelhas e usavam máscaras de Lula (PT) e do ministro do STF Alexandre de Moraes.

A jornalista diz que estava na marginal da BR-101, em frente ao Posto Tigrão, quando percebeu a movimentação estranha. Ao se aproximar, viu o caminhão parado com um casal e as duas crianças, entre 10 e 12 anos. Os adultos ajudaram os menores a subir na traseira do veículo e entrar na “cela”. Na imagem é possível ver quando os garotos colocam as máscaras.

Jeniffer conta que a mulher também usou uma máscara, de Jair Bolsonaro (PL), e subiu no caminhão. Os meninos ficaram dentro da “cela” e ela do lado de fora. O veículo então começa a transitar pela BR-101. Naquele momento, uma das pistas sentido Florianópolis estava liberada, mas com manifestantes às margens da pista, como mostram as imagens feitas pela jornalista que seguia de Itajaí para Porto Belo.

Saiba mais no portal NSC Total, parceiro do Metrópoles.

Mais lidas
Últimas notícias