Coronavírus: prefeitura anuncia lockdown em três bairros do Rio de Janeiro

Medida, segundo o prefeito Marcelo Crivella, tem por objetivo impedir que serviços não essenciais continuem em atividade durante a pandemia

atualizado 06/05/2020 12:10

Pedro França/Agência Senado

O Rio de Janeiro vai adotar o bloqueio parcial em bairros da Zona Oeste carioca, que não estão respeitando o isolamento social como medida de proteção ao coronavírus. A decisão foi divulgada na manhã desta quarta-feira (06/05) pelo prefeito do município, Marcelo Crivella.

Na prática, o bloqueio, também chamado de lockdown, significa que comerciantes que insistem em abrir as lojas e empresários que atuam em ramos considerados não essenciais serão punidos se forem flagrados desrespeitando a norma.

O lockdown começa já nesta quarta em três bairros da capital fluminense: Campo Grande, Bangu e Santa Cruz. O primeiro tem o maior número de mortes no município.

0

Não está descartada a possibilidade de o governo decretar o bloqueio também a nível estadual, uma vez que o governador Wilson Witzel, que está isolado com a Covid-19, já recebeu a recomendação do Ministério Público do Rio (MPRJ) para que seja apresentado, em até 72 horas, um estudo sobre a viabilidade do lockdown em todo o Rio de Janeiro.

Nos três bairros do Rio onde o bloqueio começa já a partir desta quarta, guardas municipais fiscalização a ação de comerciantes. “Vamos colocar um posto da Guarda Municipal nesses locais e fechar tudo. Assim evita que as pessoas transitem por esses locais. Não é o que queríamos porque atrapalha a circulação de quem não tem nada com isso”, disse Crivella.

Outros estados

Maranhão e Pará foram os primeiros estados do país que impuseram o lockdown como medida contra o coronavírus. A Região Metropolitana de São Luís iniciou o bloqueio total nessa terça (05/05).

No Pará, a medida deve entrar em vigor a partir desta quinta (07/05), em sete municípios da região metropolitana e outros três no interior. São eles: Belém, Ananindeua, Marituba, Benevides, Castanhal, Santa Bárbara do Pará, Santa Izabel do Pará, Vigia, Santo Antônio do Tauá e Breves.

Últimas notícias