Com ajuda de chinelo, ladrão rouba coroa de santa em igreja na Rocinha

A administração da paróquia não quis registrar o furto nem divulgar vídeos da câmera de segurança por medo de retaliação da comunidade

Reprodução/Paróquia Nossa Senhora da Boa ViagemReprodução/Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem

atualizado 04/07/2019 9:40

Religiosos da Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem, na favela da Rocinha (RJ), tentam encontrar a coroa da santa padroeira da igreja. O artefato foi trazido de Portugal e está na paróquia há 80 anos. As informações são do portal Extra.

O Frei Felipe, um dos religiosos da paróquia, foi quem deu falta do objeto de ferro banhado à níquel: “No sábado de manhã, por volta das 10h, eu olhei a imagem e ela já estava sem a coroa. Ela fica no alto, quase 3 metros de altura, não tem como alguém chegar e pegar tão facilmente”.

Felipe contou que imagens da câmera de segurança da paróquia mostram um homem jogando um chinelo na santa por cerca de 20 minutos até que a coroa caiu. O homem teria subido em um banco para “facilitar o furto” e, depois de conseguir derrubar o objeto, colocou a coroa em uma mochila, reposicionou o banco e foi embora.

Em 2018, a imagem da Nossa Senhora foi restaurada. O processo, de acordo Felipe, custou cerca de R$ 2 mil e foi realizado com a ajuda de fiéis.

“Ela não é de ouro, não tem valor monetário, o que fica para gente é o valor sentimental. Estamos numa mobilização interna na comunidade para tentar encontrá-la”, contou o Frei.

A administração da paróquia não relatou o furto à polícia por medo de confrontos na comunidade. As imagens da câmera de segurança também não foram divulgadas.

“Defendemos a vida de todos as pessoas. O intuito é encontrar a coroa”, garante o Frei.

Últimas notícias