Casos da variante Delta já correspondem a 45% na cidade do Rio

Informação é da Secretaria Estadual de Saúde do RJ. Delta já representa quase metade dos casos e pode se tornar mais incidente do que Gama

atualizado 04/08/2021 9:32

variante delta sao paulo - CoronavirusFábio Vieira/Metrópoles

Rio de Janeiro – Casos de Covid-19 provocados pela variante Delta já correspondem a quase metade de todos os registros na cidade do Rio de Janeiro. A informação é da Secretaria Estadual de Saúde (SES-RJ). A cepa indiana é considerada a mais transmissível em circulação pelo mundo atualmente.

O índice é resultado de uma análise de 368 amostras realizada no estado do Rio de Janeiro. Foram identificados casos em 38 dos 92 municípios.

“Do total de amostras genotipadas, que a gente consegue identificar qual é a variante, 45% deste total foi de variante Delta. Então, a SES-RJ estima que 45% dos casos de Covid na cidade já sejam desta variante”, explicou o secretário de saúde do Rio, Daniel Soranz, à TV Globo.

No estado todo, 26% das amostras coletadas são da variante Delta. Em meados de julho, quando houve quatro mortes em municípios da Baixada Fluminense, o índice era de cerca de 16%.

A secretaria informou também que a variante Delta pode se tornar mais frequente que a Gama, também conhecida como P.1, identificada em Manaus (AM). No momento, o índice da variante é de 66,58%, sendo ainda a mais incidente.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde do Rio (SMS), já é considerada a transmissão local da cepa indiana.

A SES-RJ informou também que, a partir de agosto, o sequenciamento genômico no estado terá duas etapas. Na primeira, serão analisadas 300 amostras de pacientes internados em nove hospitais das nove regiões que integram a Rede Nacional de Vigilância Epidemiológica. Em seguida, serão usadas amostras aleatórias coletadas na rede ambulatorial. O objetivo é monitorar qual variante tem causado mais internações.

Até terça-feira, 62 pessoas eram mapeadas com a variante Delta na cidade do Rio.

Últimas notícias