metropoles.com

Caso Mariana Ferrer: conheça detalhes do processo que absolveu empresário

O empresário André de Camargo Aranha foi acusado por estupro de vulnerável, que teria ocorrido no Café de La Musique, em Florianópolis

atualizado

Compartilhar notícia

mariana2
1 de 1 mariana2 - Foto: null

O Ministério Público de Santa Catarina voltou atrás e desconsiderou a própria denúncia apresentada em julho de 2019, que apontou o empresário André de Camargo Aranha como acusado por estupro de vulnerável no caso Mariana Ferrer.

Na ocasião do oferecimento da denúncia, o MP seguiu o mesmo entendimento da polícia no inquérito e defendeu que a jovem não tinha discernimento para consentir a relação sexual – que teria ocorrido em um camarim durante uma festa, em 15 de dezembro de 2018, no beach club Café de La Musique, em Jurerê Internacional, em Florianópolis.

Leia a matéria completa do ND+, parceiro do Metrópoles.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações