Caixa tem 32,2 milhões de cadastros para auxílio emergencial

A expectativa do governo que até 54 milhões de brasileiros se cadastrem no programa para conseguir o benefício

atualizado 11/04/2020 15:55

Brasília (DF), 29/07/2019 Predio da Caixa Econômica Federal Edifício Sede Matriz II Foto: Raimundo Sampaio/Esp. MetrópolesRaimundo Sampaio/Esp. Metrópoles

A Caixa Econômica Federal finalizou o cadastro de 32,2 milhões de pessoas que pediram auxílio emergencial de R$ 600 concedido pelo governo federal durante a crise do coronavírus.

Dos pedidos encaminhados para a Caixa, 40,1% foram para recebimento por meio da poupança digital.

A Caixa diz ainda ter recebido 272 milhões de visitas ao site e 150 milhões de SMS. A última atualização dos números é das 12h.

Quem tem direito?

Nas duas plataformas estão listados os requisitos necessários para receber o benefício. Confira abaixo:

  • Ter mais de 18 anos
  • Não ter emprego formal
  • Não receber os seguintes benefícios: previdenciário, assistencial, seguro-desemprego, programa de transferência de renda federal (Bolsa Família não impede receber o Auxílio Emergencial)
  • A renda da família é: até R$ 522, por pessoa ou até R$ 3.135,00 (renda familiar total)
  • Não ter recebido rendimentos tributários, no ano de 2018, acima de R$ 28.559,70
  • Exercer atividades em uma das seguintes condições: Micro Empreendedor Individual (MEI), Contribuinte Individual ou Facultativo do Regime Geral de Previdência Social, trabalhador informal.
Veja em 10 passos como solicitar o benefício:

O aplicativo da Caixa Econômica Federal que você tem que baixar é o “Auxílio Emergencial”. Lembre-se, baixe somente de lojas oficiais, como a Play Store e Apple Store. Para evitar que você caia em algum golpe, siga as orientações seguintes:

  • Para acessar pelo site, clique aqui
  • Passar baixar o aplicativo para celulares Android, clique aqui
  • Para baixar o mesmo app, só que em sistemas iOS, clique aqui

Últimas notícias