Assessor de Bia Kicis faz piada com morte de Marielle Franco

No Facebook, ele posou uma foto ao lado de uma camiseta com o desenho da vereadora executada e a frase: "Marielle vive, enchendo o saco"

atualizado 18/01/2020 10:22

Reprodução/Facebook

Um assessor da deputada federal Bia Kicis (PSL-DF) fez piada com o assassinato da vereadora Marielle Franco (PSol-RJ) e defendeu a prisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, e do ministro da Corte Gilmar Mendes nas redes sociais.

Segundo informações da coluna Guilherme Amado, da revista Época, Evandro de Araújo Paulo publicou no Facebook foto ao lado de uma camiseta com o desenho da vereadora executada, e a frase: “Marielle vive, enchendo o saco”.

Compartilhada no último dia 31, a fotografia foi tirada dentro do gabinete da deputada e bloqueada pelo Facebook por causa do “conteúdo cruel ou insensivo”.

Araújo despacha no gabinete de Bia Kicis, vice-líder do governo no Congresso, há um ano, desde o primeiro mês de mandato. Recebe salário de R$ 4,2 mil.

Em abril, o assessor postou no Facebook que “ver Gilmar Mendes e Dias Toffoli na cadeia seria algo magnífico”. Procurado, o assessor não respondeu.

Em nota, a deputada afirmou que “não sabia da postagem, e quando tomou conhecimento repreendeu o assessor, proibindo-o de tirar fotos para o perfil dentro do ambiente de trabalho”.

Últimas notícias