Arquiteto “troca” noivo 24 horas antes do casamento: “Foi uma loucura”

Em cerimônia para 120 convidados, arquiteto Eder Meneghine trocou noivo e convocou o ex-namorado para o altar na véspera do casamento

atualizado 10/09/2021 21:28

Arquiteto do Rio troca de noivo na véspera do casamento e surpreende os convidados 2 (1)Diana Brizzi / I9 Foto e Vídeo

Rio de Janeiro – Mal esperavam os 120 convidados do casamento do arquiteto e decorador Eder Meneghine, 60 anos, que poderia haver uma mudança tão significativa na cerimônia: a troca do noivo. Após ter uma discussão com o mineiro Dyl Reis, 23 anos, na véspera do casamento, Eder resolveu colocar um ponto final na relação e “convocou” seu ex-companheiro, o chefe de cozinha Hugo Oliveira, 44 anos, para subir ao altar em cerimônia na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

O caso foi revelado pelo colunista do Jornal O Globo Ancelmo Gois. O arquiteto investiu mais R$ 250 mil com decoração, estrutura e serviços da cerimônia, realizada na Ilha da Gigóia, zona oeste do Rio de Janeiro. Nomes da alta sociedade carioca, como a socialite Vera Loyola e a baronesa Bete Suzano, estiveram presentes no casamento e só souberam da troca na hora do evento, ao som do clássico italiano Con te Partirò interpretado por Andrea Bocelli.

0

“Nessa hora foi uma loucura. Teve gente desmaiada, mais de 20 minutos de aplausos, uma vibração com chapéus para o alto. Um êxtase total. A festa foi 10 vezes melhor do que seria. Foram oito horas de evento e 150 garrafas de espumante italiano”, contou Eder ao G1.

Ele afirma que conhecia Dyl há pouco tempo e percebeu problemas pessoais devido à relação com o mineiro, o que o fez terminar o relacionamento 24 horas antes de se casarem.

“Eu o conhecia relativamente muito pouco. A gente se gostava, e eu o levei para morar comigo na minha casa. Com o tempo, eu tive essa vontade de fazer essa festa de casamento, como eu já fiz para muitas pessoas, vários artistas. E eu falei com ele: ‘Vamos casar?’. Só que ele tem 23 anos e eu tenho 60. Eu tinha a intenção de ser feliz. E eu achava que fosse ser”, declarou.

“Quer casar comigo amanhã?”

Foi quando o arquiteto resolveu procurar Hugo, com quem viveu por quase 20 anos, e perguntar: “Quer casar comigo amanhã?”. Hugo aceitou imediatamente.

“Eu pensei em dar a esse homem, que sempre foi correto comigo, a oportunidade que eu ia dar para uma pessoa que nunca fez nada por mim […] Na verdade, não é que ele seja o grande amor da minha vida, mas eu descobri naquele momento de dificuldade que eu tinha na figura do Hugo Oliveira o maior amigo e parceiro de toda minha vida. E eu nunca dei pra ele a oportunidade que ele merecia”, explicou Eder, que também é empresário no ramo de restaurantes.

Roteiro de novela?

Passado o casamento, Eder Meneghine espera poder inspirar outras pessoas com sua história, que foi de insegurança a aceitação.

“Eu fiquei feliz com a adesão dos amigos, com a festa, com a decisão do Hugo. E, na verdade, eu não sou uma pessoa que acredita em Deus, mas eu vou dizer do fundo do coração: mesmo que você queira desenhar o seu caminho, o seu destino, você não é nada se não tiver nas mãos de uma força superior. Nenhum escritor de novela escreveu um enredo como esse“, completou.

Mais lidas
Últimas notícias