Amazônia: ministros chegam a Belém para discutir com governadores

Os chefes de cinco pastas discutirão medidas de preservação da Amazônia Legal. Semana tem mais duas reuniões

atualizado 02/09/2019 11:38

Foto: Divulgaçāo Ministério da Agricultura

A comitiva de ministros do presidente Jair Bolsonaro (PSL) desembarcou por volta das 10h em Belém. Os chefes de cinco pastas vão se reunir com governadores de estados da Amazônia Legal nesta segunda-feira (02/09/2019). O encontro faz parte de uma série de reuniões para traçar medidas de preservação da floresta.

Onyx Lorenzoni, da Casa Civil, Ricardo Salles, do Meio Ambiente, Fernando Azevedo, da Defesa, Tereza Cristina, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e Jorge Oliveira, da Secretária Geral da Presidência, discutirão medidas de combate às queimadas, preservação da floresta e desenvolvimento econômico.

Os governadores Helder Barbalho, do Pará, Mauro Carlesse, do Tocantins, Mauro Mendes, do Mato Grosso, Waldez Góes, do Amapá, e o presidente do consórcio interestadual da Amazônia Legal, Carlos Brandão, vice-governador do Maranhão, participam do encontro.

Em nota, o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, que coordena a comitiva, destacou a importância do diálogo com as autoridades locais na busca de soluções para a região.

“O presidente, depois de receber aqui no Planalto os governadores da Amazônia Legal, determinou que fôssemos até lá para ouvir as demandas e, juntos, buscar soluções para as questões que envolvem a região, levando em conta a especificidade de cada estado”, frisa o texto.

Nesta terça-feira (03/09/2019), a comitiva do governo federal segue para Manaus, onde as tratativas continuam. Na sexta-feira (06/09/2019), líderes de países sul-americanos vão discutir uma política única de preservação da Amazônia e de exploração sustentável da região.

De acordo com Bolsonaro, o encontro ocorre em Leticia, cidade colombiana que faz fronteira com o Brasil em Tabatinga, no Amazonas.

Últimas notícias