*
 

O ex-presidente da Câmara e ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) foi, mais uma vez, alvo de um protesto em uma de suas passagens pelos aeroportos do Brasil.

Desta vez, no entanto, a manifestação envolveu agressões a Cunha. Nesta quinta-feira (13/10), no aeroporto de Santos Dumont, no Rio, numa mulher alvejou o ex-parlamentar aos gritos de “pega, pega” e “ladrão”.

O momento foi filmado e as imagens caíram na internet.

Ao Estadão, Eduardo Cunha disse que a mulher que aparece no vídeo tentou agredi-lo duas vezes.

Ele afirmou também que ela integra um grupo que, previamente avisado de sua presença, se organizou para esperá-lo no terminal e hostilizá-lo. “Encontrar petista é sempre um problema”, declarou. “São as mesmas pessoas, é a mesma mulher.”

O deputado cassado informou ter solicitado à Infraero auxílio para saber quem é a agressora. “Pretendo identificar e, depois, processar”, adiantou.

No twitter, Cunha também se manisfestou a respeito da agressão.

 

 

COMENTE

Eduardo CunhaAeroporto Santos Dumont
comunicar erro à redação