metropoles.com

PB: professor é preso acusado de assédio: “Tentou beijar meu pescoço”

A denúncia partiu das próprias estudantes, que alegaram estar sofrendo com as atitudes do professor

atualizado

Compartilhar notícia

Marcello Casal Jr./Arquivo/Agência Brasil
Criança agredida com pedaço de madeira em Manaus
1 de 1 Criança agredida com pedaço de madeira em Manaus - Foto: Marcello Casal Jr./Arquivo/Agência Brasil

Um professor de 48 anos foi preso suspeito de assédio contra estudantes em uma escola em Campina Grande (PB). As vítimas contaram que o assédio acontecia durante as aulas na Escola Estadual Dom Luiz Gonzaga Fernandes, no bairro das Malvinas. A prisão aconteceu nessa quinta-feira (28/7).

A denúncia partiu das próprias estudantes, que alegaram estar sofrendo com as atitudes do professor. Uma delas, que tem 14 anos, chegou a formalizar denúncia na Polícia Civil, acompanhada pela mãe.

“Ele continuava vindo para cima de mim tentando beijar meu pescoço e eu virando rosto e ele não parava de vir para cima de mim. Minha amiga até entrou no meio. Os meninos foram questionar: ‘Professor o que é isso?’, mas não adiantava. Ele continuava vindo para cima de mim”, disse. A outra colega, que tem 15 anos, relatou situações semelhantes.

Leia reportagem completa no Portal T5, parceiro do Metrópoles

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações