Comece a eliminar a gordura trans da sua alimentação já!

Anvisa decidiu que o ingrediente deve estar fora dos alimentos até 2023, mas você não precisa esperar para fazer adaptações na sua dieta

atualizado 19/12/2019 10:32

Divulgação OMS

A decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de banir o uso de gordura trans industrial a partir de 2023 foi comemorada por profissionais da área de saúde. Apesar de disseminada na indústria alimentícia como conservante de alimentos, a gordura trans está associada ao desenvolvimento da obesidade e de doenças coronarianas.

De acordo com a agência, as empresas deverão reduzir a utilização desse aditivo químico até julho de 2021 e não poderão mais usá-la definitivamente a partir de 2023. A Organização Mundial de Saúde, que advoga o banimento da gordura trans no mundo, estima que a eliminação da gordura hidrogenada seja capaz de evitar 500 mil mortes por ano no mundo.

A dica “dê preferência à comida de verdade” é o principal conselho para eliminar a gordura trans da dieta. “A obesidade está relacionada a vários problemas de saúde no mundo e sua principal causa é justamente a maneira como nos alimentamos, o nosso estilo de vida“, comenta a endocrinologista Fernanda Sousa Cardoso Lopes, do Grupo Exame.

Pessoas que estão preocupadas com a saúde devem buscar alimentos frescos, produzidos perto de casa e, de preferência, preparar a própria comida.”É muito importante reduzir a presença dos alimentos ultraprocessados na alimentação”, recomenda a médica. Para se livrar da gordura trans e de seus riscos para a saúde, comece por evitar:

Biscoitos recheados;
Salgadinhos de pacote;
Sorvetes;
Pipoca de micro-ondas;
Pizzas e salgados congelados;
Manteiga vegetal e margarina em barra;
Produtos de padaria com validade longa.

Outra dica é prestar atenção nos rótulos dos alimentos. Para se certificar de que o alimento é livre de gordura trans, entre os componentes não deve haver palavras como gordura vegetal parcialmente hidrogenada ou gordura hidrogenada, gordura vegetal ou margarina.

Últimas notícias